Arquivos
  • 08/2005
  • 09/2005
  • 10/2005
  • 11/2005
  • 12/2005
  • 01/2006
  • 02/2006
  • 03/2006
  • 04/2006
  • 05/2006
  • 06/2006
  • 07/2006
  • 08/2006
  • 09/2006
  • 11/2006
  •  
    Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com
     
    eXTReMe Tracker

    30.5.06


     
    FAZENDO AMOR COM OU SEM AMOR
    Fazer amor? Sim, deveras romântico...
    Mas, vamos combinar? Experimente trepar com quem você gosta ou ama (ou não, vá lá). Sim, t-r-e-p-a-r...
    Devorar a pessoa, deixar todos os instintos aflorarem, olho no olho, sacou?
    Nada de fazer sexo sorrindo. Tente e você vai chegar perto do inominável.
    Se você amar a pessoa, relação, coisa e tal, vai ser uma experiência quase cósmica.
    Se não amar, tudo bem, terá uma ótima experiência de masturbação a dois. E terminará se apaixonando mais por si mesmo. Tal e qual Narciso. Ou simplesmente vai dormir e esquecer.

    Para aquecer, conjuguemos o verbo, de preferência uma vez por dia (se você puder conjugar e praticar, és um felizardo)

    Eu trepo
    Tu trepas
    Ele trepa
    Nós trepamos
    Vós trepais
    Eles trepam

    P.S: Fazer amor é uma mentira que nossa vaidade quer. Não tem a ver com ato sexual. Fazemos amor o tempo todo. Portanto, não caia nessa...


    12:26 da tarde